Oswaldo Seiffert, 52 anos

“Desde criança sabia que tinha um sopro no coração, mas só recentemente soube, depois de exames, da necessidade de cirurgia. Então, o médico José Alfredo Sadowsky, que é amigo da família indicou o Dr. Robinson Poffo e sua técnica de cirurgia cardíaca minimamente invasiva. Após consulta e exames, a cirurgia foi marcada para março do ano passado. Apesar do medo e da complexidade houve muita segurança transmitida, principalmente, pelo médico e pelo local em que foi realizada. Jamais imaginei que passaria por um momento assim. Mas o apoio de toda equipe, não só pra mim, como para os familiares que me acompanharam, diminui muito a angustia e o medo durante e após a cirurgia. Dentro das possibilidades e dos casos que a gente conhecia e de amigos que passaram pela cirurgia tradicional foi fantástico, envolve muito pós-operatório, e isto tem funcionado muito bem. É muito importante poder contar com o apoio da equipe de médicos, este apoio gera segurança por que em muitas vezes por ter passado por uma cirurgia cárdica temos muitos medos e ansiedades. Creio que dentro da minha condição estou muito bem. Tenho recuperado uma qualidade de vida que há muito tempo, antes da cirurgia, não tinha.”